Informações úteis

Nessa seção teremos informações úteis para aqueles que buscam a cidadania ou algo a mais.

Localizar documentos na Hungria ou no Império Austro-Húngaro

Acesse o site www.hungenealogy.hu ou envie uma mensagem para [email protected], informando os documentos que está buscando (certidão de nascimento, batismo, casamento, óbito, etc). Fazemos buscas em todos os países que compunham o Império Austro-Húngaro, isto é: Áustria, Hungria, Eslováquia, Sérvia, Croácia, Eslovênia, Ucrânia e Romênia (Transilvânia).

 

Embaixada da Hungria no Brasil

A Associação Beneficente 30 de Setembro,Braziliaí Magyar Segélyegylet, foi fundada em 1926, e tem atualmente como Missão:

“Promover a vida através de um atendimento humanizado ao idoso” & “Oferecer aos interessados oportunidades para conhecer a história e conviver com a cultura atual e as tradições do povo húngaro”

A Associação dirige e mantém a Casa de Repouso para terceira idade “Lar Pedro Balázs”.

Rua Gomes de Carvalho, 823 – Vila Olímpia – São Paulo – SP
Telefone: (11) 3849-0293
http://www.ahungara.org.br/

Tradução de documentos

Sra. Agnes Bester – Tradutora
[email protected]
São Paulo – SP

Sra. Mariann Tóth – Tradutora
[email protected]
Brasília – DF

Sr. Ákos Jáki – Tradutor
[email protected]
Votorantim – SP

Dra. Helene Maria Paulinyi – tradutora
[email protected]
Belo Horizonte – MG

Sra. Iulia Balteanu – Tradutora Romeno-Português
[email protected]

128 Responses to Informações úteis

  1. karine says:

    Fazendo uma pesquisa do meu antepassado, descobri que minha bisavó é Tchecoslovaquia…
    gostaria de informações em como proceder, qual cidadania seria possível e etc…

    obrigada

    • colaborador says:

      Olá Karine, escreva para [email protected] e poderemos ajudá-la com a pesquisa. Nao sabemos ainda qual cidadania seria possível, depende da região…

    • Thales Limonge says:

      Boa tarde, estou fazendo um trabalho sobre nacionalização hungara e não encontrei nada sobre perda de nacionalidade. Gostaria de saber se é possivel e quais são os meios. E também qual o critério usado pela hungria se jus solis ou jus sanguinis ou os dois. Aguardo anciosamente

      • colaborador says:

        Olá Thales, quem vai poder lhe responder em detalhes sobre a perda de cidadania é o Consulado Geral. Mas posso lhe adiantar que na Hungria o que se usa é o jus sanguinis.

  2. Ricardo Topfer says:

    Olá…
    Meu avô era húngaro e veio para o Brasil com 4 anos de idade em 1932.
    Para eu ter direito a cidadania preciso realmente saber o falar o idioma?

  3. Fernanda Merschitz says:

    Meu marido é neto de Húngaro já falecido, recentemente estivemos em Budapeste e conhecemos as tias dele, do primeiro casamento de seu avô. Queremos dar entrada no processo de cidadania dele, qual processo? Simplificado ou tradicional?
    Meu sogro, que é filho de Húngaro, ele entra por qual processo? Tradicional? Se ele tirar a dele, o meu marido tira por qual processo? O pedido de cidadania é individual? Ou se um tirar, todos os irmãos, filhos, esposas, pai e mãe também tiram automaticamente? Meu marido tirando a cidadania, eu também consigo obter? Terei os mesmos direitos que ele?

    • colaborador says:

      Olá Fernanda, o mais indicado é voces entrarem em contato com o Consulado Geral em São Paulo e perguntarem ao departamento consular. Tudo indica que será pelo método simplificado mas não podemos ter certeza sem examinar a documentação primeiro. Os pedidos de cidadania são individuais, ela não é concedida “automáticamente” a todos da família. Boa sorte!

  4. FREDERICO BRAUN D'AVILA says:

    Meu bisavô é húngaro (nascido em Nagy-Teremia), foi criado em Temeswar e fez o 2o grau em Budapest, porém casou-se com minha bisavó que era austríaca, onde nasceu meu avô e minha tia-avó.
    Temos todos os documentos originais da época, até o boletim escolar do meu tataravô – que também estudou medicina em Viena antes de voltar para Temeswar.
    Só meu avô é que fala um pouco de húngaro, pois a comunicação entre meu bisavô e a família era toda em alemão. Minha mãe e eu só falamos alemão. É mesmo necessário falar húngaro para adquirir a cidadania?

  5. Carla Margareth says:

    Olá! Minha avó nasceu em Budapeste e veio pequena para o Brasil na década de 20. Aqui casou com meu avo, abandonou o sobrenome original e faleceu há alguns anos.
    Apenas tenho a identidade dela de casada e o atestado de obito, onde informa os nomes originais dos pais.
    Como neta, posso requerer a cidadania?

    Atenciosamente
    Carla

  6. Ana Paula R.Montag Coelho Vicente says:

    Olá!
    Minha bisavó paterna era húngara – Valeria Orlak Pollack, e meu bisavô era Iugoslavo – Luís Pollack.
    Como faço para adquirir minha cidadania? Meus filhos têm direito?
    Todos já faleceram, inclusive meus pais e tios! Sou a única ainda viva. Voces podem me ajudar com a documentação?

  7. Helen Tabí says:

    Olá meu nome é Helen Tabí minha avó é Hungara e mora aqui no Brasil, veio para cá com 4 anos gostaria de saber como posso obter minha dupla cidadania, ou se não tenho direito, tenho 16 anos como faço?

    • colaborador says:

      Olá Helen, como o seu processo deve se encaixar no “tradicional”, entre em contato direto com o Consulado Geral em São Paulo.

  8. Julia Balog says:

    Olá! Minha bisavó era austríaca, nascida em Graz e meu bisavô iugoslavo, nascido em Kovin. Consigo cidadania por alguma das duas partes? Minha mãe também?

  9. Maria Rodrigues Nagy says:

    Meus avós paternos eram húngaros e tenho interesse de adquirir a cidadania. Pelo que li nas perguntas e respostas anteriores, onde posso estudar o idioma, já que é pré-requisito. Moro na cidade de São Paulo.
    Obrigada,

  10. Danilo Bighi says:

    Olá,

    Meus avós por parte de mãe vieram da Europa para o Brasil ainda crianças. Minha avó com 3 anos e meu avô com 9. Fico intrigado porque o sobrenome de ambos não batem com suas supostas origens. Minha avó com sobrenome EGNER, nascida em Lukavac – Iugoslavia (1922) e meu avô SCHUMAHER (1916), nascido em Deta – Romênia. A irmã do meu avô nasceu na mesma cidade e consta como Húngara. Seria possível eles terem nascido no Império Austro-Húngaro? Ou obter a cidadania Húngara através deles?

    • colaborador says:

      Olá Danilo, haviam milhares de famílias de origem germanica nessas duas regioes (tanto na ex-Iugoslávia como na Transilvania) e essas famílias eram húngaras, portanto voce pode pleitear a cidadania húngara, sim — mas terá que aprender o idioma.

  11. DANIEL says:

    Ola minha avo materna nasceu em Budapeste ela estava aqui juntamente com o corpo de balé da Hungria quando estourou a II Guerra e nao voltou mais , meus bisavós éramos 2 húngaros . Sei que minha avo tinha irmaos que ficarao em Budapeste. Gostaria de saber se posso ter a cidadania húngara eu ja nao tenho o sobrenome Naggy no meu nome e se minha mae também pode ter a cidadania

  12. Vânia Benak Leal says:

    Olá, meu avô era Húngaro e veio para o Brasil contando no documento de embarque como Romeno, como faço para provar que ele nasceu em Budapeste e eu como neta conseguir cidadania Húngara?

    • colaborador says:

      Olá Vania, se ele tivesse realmente nascido em Budapeste o passaporte dele nao seria romeno. Ele provavelmente nasceu na Transilvania e consequentemente voce tem direito a cidadania húngara pelo método simplificado. Escreva para nós!

  13. Alexandre says:

    Meu nome é Alexandre e gostaria de entrar com o pedido de cidadania. Meu bisavô nasceu na Hungria e mudou-se para o Brasil durante a guerra e casou-se aqui tb com minha bisavó que tb era Hungara.

    Qual tipo de cidadania posso solicitar e quais documentos preciso ?

  14. Liana Yara Richter says:

    Bom dia,
    Vivo em Porto Alegre e meu pai nasceu em Cluj, Transilvania. Preciso de sua certidão de nascimento.
    Como posso buscar esse documento?
    Já mandei um email para a primaria cluj e eles não me responderam.
    Aguardo uma orientação.
    Um abraço,
    Liana

  15. Cesar Augusto Murari says:

    A família da minha esposa é WESZ, seu bisavô HENRICH WESZ , foi o hungaro que se perdeu dos companheiros de viagem que se instalaram em Jaragua do sul SC e foi enviado por engano aqui para Jaguari RS. sou descendente de italiano mas gostaria de pesquisar sobre a familia de Henrich Wesz. Vocês tem algum site ou lugar onde eu possa pesquisar para saber de que cidade veio este imigrante?

  16. Wilson says:

    Boa noite ! Sou neto de romeno,minha avó era de huta na Roménia,mais meus bisavôs gheorghe szivok e maria polac. Não sei onde nascerão,pois qual cidadania e mais fácil solicitar.?Já mandei o e-mail com os documentos que tenho em mãos .

  17. Felipe Moura says:

    Olá. Fiz já todo o processo da cidadania (Papeis e entrevista) aqui na Embaixada em Brasilia dia 5/12/15.
    Quanto tempo demora pra Hungria enviar uma resposta? Estou super ansioso!!

  18. karla wolff says:

    Ola!
    Meu trisavo e bisavo nasceram em Hermannstadt (1870 e 1895), no imperio austro-hungaro, e, apesar da familia falar que eram alemaes, seus documentos constam como hungaros. Esta cidade eh hoje Sibiu, na Romenia. Eles tambem moraram em Bremen e vieram para o Brasil em 1912.
    Sera que eh possivel conseguir a cidadania hungara? Tenho copias dos registros de nascimento e carteira modelo 19.
    Obrigada

  19. Martim says:

    Olá a todos! Gostei deste site!

    Dia 5/4/2016 eu encontrei o último documento que preciso para iniciar o requerimento da cidadania, até então na dúvida se húngara ou austríaca. Resolvi pesquisar na Hungria e apareceu o registro de batismo de meu bisavô.
    Minha dúvida é: Que procedimento devo tomar para solicitar uma cópia ou original desta certidão?
    Já estou aprendendo o idioma para antecipar.
    Agradeço a ajuda, obrigado!

  20. Amanda says:

    Sou bisneta de uma hungara, ela veio para o Brasil no início do Século XX, e se casou com um romeno, porém ouvi falar de uma lei da época que se uma mulher húngara casasse com um estrangeiro, ela perdia a cidadania. Gostaria de saber a respeito, e se meu bisavó sendo Romeno, que também foi parte do Império Austro-Hungaro ele seria considerado um estrangeiro, e se esse for o caso, como consigo solicitar a cidadania pra mim, meu pai e minha irmã?

    Muito Obrigada, Amanda

    • colaborador says:

      Olá Amanda, se o seu bisavo nasceu na Transilvania (hoje Romenia) entao voce tem direito a cidadania húngara, sim. Mas voce precisa saber documentar tudo isso, inclusive o casamento dos seus bisavós. Se precisar de nossa ajuda escreva para [email protected]

  21. CESAR AUGUSTO says:

    Existe algum site na hungria para pesquisar a familia WESZ?

  22. Sibele Adriana says:

    Minha mae nasceu na Austria, porem os pais delas (meus avos) eram hungaros. Minha mae mesmo nascendo sem solo austriaco recebeu a nacionalidade hungara. Ela mora em Sao Paulo e todos os documentos dela constam que ela e hungara . Como faco para ter reconhecida minha cidadania hungara.
    Obrigado pela atencao,
    Sibele Adriana.

    • colaborador says:

      Olá Adriana, é muito simples. Procure o consulado geral ou a embaixada e mostre a documentacao dos seus avós húngaros. Voce provavelmente nem precisará aprender o idioma, dependendo do ano em que eles saíram da Hungria.

      • Sibele Adriana says:

        Meus avos hungaros chegaram ao Brasil dia 02/05/1949 , porem nao tenho as certidoes de nascimento, A unica informacao que minha avo nasceu em Kaposvar.
        Data de nascimento da minha avo 17/02/1925 e data de nascimento do meu avo 25/12/1903.

  23. Andre Feher says:

    Sou filho de húngaros,e falo o húngaro.Minha mãe pediu a cidadania brasileira, mas ainda vive aqui em São Paulo,gostaria de saber quais documentos que preciso para tirar a cidadania , para eu,minha esposa, 2 filhos e nora . Obrigado

    • colaborador says:

      Olá Andre! Se a sua mãe é húngara entao voce tem direito pelo método tradicional (mesmo sem saber falar a língua). Entre em contato diretamente com o consulado geral ou com a embaixada.

  24. elsa godeny says:

    meu pai era natural da Hungria ; pelo sobrenome teria como eu saber se tenho familiar no pais, meus avós migrarao para o Brasil meu pai ainda era garoto

  25. Karla says:

    Ola!
    Meu trisavo e bisavo nasceram em Hermannstadt (1870 e 1895), no imperio austro-hungaro, e, apesar da familia falar que eram alemaes, seus documentos constam como hungaros. Esta cidade eh hoje Sibiu, na Romenia. Eles tambem moraram em Bremen e vieram para o Brasil em 1912.
    Sera que eh possivel conseguir a cidadania hungara? Tenho copias dos registros de nascimento e carteira modelo 19.
    Obrigada

  26. Islony richarly says:

    Olá, minha noiva é húngara estamos juntos há dois anos queríamos casar no Brasil queria saber sobre documentação e como realizar casamento no Brasil se é em cartório normal? Casamento no Brasil pega visto permanente para ela morar aqui e para mim na Hungria ? Obrigado desde já..

  27. Gabriel Gerencser Cardoso says:

    Boa tarde!
    Gostaria de saber com a cidadania húngara, posso habitar na Inglaterra?!

  28. Lilian Tichauer says:

    Bom dia!
    Sou filha de húngaros, já falecidos, gostaria de saber quais os documentos necessários para eu adquirir a cidadania húngara.

    Obrigada!

  29. Mauro Fernandes Bácsfalusi says:

    venho solicitando informações acerca do processo de cidadania húngara ao qual dei entrada há cerca de 3 anos e não obtenho resposta do consulado em São Paulo. Na época em que dei entrada nos documentos no consulado disseram-me que já poderia me considerar cidadão húngaro e que meu certificado sairia antes de fevereiro de 2013.sou filho de Josef Bácsfalusi, húngaro de nascimento, tendo sido inclusive vice-consul em Florianópolis. podem me ajudar?
    Mauro Fernandes Bácsfalusi

    • colaborador says:

      Olá Mauro, nós não somos o consulado e consequentemente não podemos lhe ajudar. Ouvimos dizer que haverão boas novas dentro de algumas semanas, novos funcionários chegarão de Budapeste para completar a equipe e dividir o trabalho (que não é pouco). Mas é melhor voce perguntar diretamente a eles.

    • colaborador says:

      Olá Mauro, nós nao somos o site do consulado geral. Por favor entre em contato direto com eles.

  30. Adriana Domingues Vörös says:

    Sou neta de húngaros, meu pai perdeu todos os documentos em um incêndio, como faço pra requerer segunda via; e assim solicitar cidadania Húngara?

  31. Adriana Domingues Vörös says:

    Sou neta de húngaros, meu pai perdeu todos os documentos em um incêndio, como faço pra requwrer segunda via; e assim solicitar cidadania Húngara?

  32. Silvia Marques says:

    Sou neta de hungaros e meus avós vieram para cá em 1924. No passaporte deles está escrito Iugoslavia pois sua cidade passou a pertencer a Iugoslavia, atualmente Servia.
    Gostaria de saber se mesmo assim é possivel conseguir a cidadania? Tenho somente o passaporte deles. Como obter outros documentos?
    Como saber se devo pedir cidadania simplificada ou tradicional?
    Obrigada
    Silvia Marques

    • Colaborador says:

      Olá Silvia, Voce deve pedir a simplificada e precisará aprender o idioma. Somente o passaporte iugoslavo nao será suficiente, mas poderemos ajudá-la a conseguir as certidoes de nascimento dos seus avós. Escreva para [email protected]

  33. Jéssica Panhis says:

    Boa noite!
    Gostaria de saber se o sobrenome PANHIS é pertencente a Hungria. Não encontro a origem do meu sobrenome de forma alguma!
    A Unica coisa relevante que consegui até agora foi o registo de uma viagem de um rapaz chamado JOZEF PANHIS nascido em Hungria-Eslováquia que partiu de Antuérpia para Nova York no navio LEPLAND por volta de 1910.
    Desde já obrigada!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • Colaborador says:

      Olá Jessica, Nao dá para saber. Talvez seja erro de grafia, o que era muito comum no início do Século 20. Precisamos analisar a documentacao antiga, voce tem algum documento dos seus antepassados?

  34. Tereza Cristina Ör says:

    Boa Tarde, Gostaria de saber se tem algum professor de língua húngara em Santos – Sp. Gostaria de fazer aulas junto com meu filho para solicitar a cidadania húngara, pois meu avós eram húngaros
    grata

  35. Marcia Paques says:

    Boa Tarde a todos!!
    Gostaria de obter algumas informações sobre meus avós e bisavós paternos que vieram do Império Austro Húngaro para o Brasil em meados 1875, porém, nosso sobrenome foi mudado para Paques; dizem antigamente Paques era Paharthers ou Parrathers ou até mesmo Barthers. Não temos documentos em mãos, mas estamos investigando os Cartórios de Registros por onde passaram. A informação que temos é que meu avô Bohemir Parrathers ou Pahathers ou Barthers nasceu em 12/10/1874 em Boêmia, Tchecoslováquia e veio para o Brasil em meados de 1875 quando tinha apenas um ano de idade em um navio que aportou em Santos. De lá foram para a região de Campinas, após Piracicaba, Tatui, Itapetininga (todos no Estado de São Paulo).
    Por favor, peço a ajuda de vcs para conseguir alguma informação, pois fizemos várias pesquisas em vários site e nada encontramos.

  36. waldemar Moss Filho says:

    Meu bisavô Angelo Moz entrou no Brasil, com passaporte Austro Hungaro, em 1865. Gostaria de ter certeza se esse sobrenome é italiano, austriaco ou hungaro. Na entrada no Brasil o sobrenome foi modificado para Moss.

  37. Alexandre says:

    Olá, boa noite !

    Vou começar meu processo de cidadania e gostaria de saber se vocês tem algum despachante para me ajudar pfv ?

    Agradeço de antemão.

  38. Mariana Sabó says:

    Olá! Meus avós paternos vieram da Iugoslávia (cidades Zagreb e Bajcka) e tenho os documentos e passaportes. O meu avô sempre disse que era Húngaro – imagine minha surpresa ao ver em seu passaporte que ele era da Iugoslávia.

    Fico muito confusa em saber com qual país devo me comunicar para ver a possibilidade de adquirir a cidadania. Sei que Zagreb agora é da Croácia, mas não encontro a cidade do meu avô, Bajcka.

    Será que alguém consegue me ajudar?

    Abs e super obrigada,

  39. Agnes Tamás says:

    Boa Tarde,

    Sou filha de húngaro, com muito orgulho, durante 13 anos vivi com meus pai e avós hungaros, aprendi a falar a lingua desta forma, meus avós faleceram há uns 6 anos, e a falta de uso me fez perder muito da lingua.
    Esse nível de húngaro será suficiente para conseguir tirar minha cidadânia?

    Obrigada!

  40. christiano pap says:

    meus avós paternos eram de origem italiana e hungara, herdei o sobrenome PAP
    como não tive contato com eles não sei qual a origem, esse sobrenome é hungaro?

  41. tamara pancev says:

    Olá, estou procurando a origem do meu sobrenome PANCEV. Não tenho certeza, será que é húngaro?
    Não conheci meu avô materno, mas pelo que sei ele era romeno ou húngaro.
    Não posso afirmar pois não tenho nenhum documento dele.
    Sequer tenho a data que ele veio para o Brasil.
    Obrigada

  42. Ricardo Lourenço Strucs says:

    Boa noite!
    Gostaria de saber se meu sobrenome é húngaro. Meu avô paterno, ao imigrar para o Brasil, mudou ( não sei por que ) o sobrenome de “Strucz” para “Strucs”. Ele nasceu na cidade de Ineu no Condado de Arad na Romênia. Sei que a região da transilvania tem muitos húngaros. Pesquisando sobrenomes romenos, “Strrucz” não me parece latino. Minha avó é húngara de sobrenome Beres. Grato.

  43. Carla says:

    Boa tarde, sou neta de Regina Selinger e bisnetta de Anna Muller, gistaria de saber qual cidadania posso tirar uma vez que Anna Muller era Austriaca e Minha Avó Regina Selinger Alemã, mas minha Avó foi registrada na Iuguslávia. Teria eu que tirar cidadania Hungara? Obrigada

  44. ADEMIR ANTONIO DA SILVA says:

    Estou pesquisando o registro de chegada de imigrantes com nacionalidade húngara e/ou iuguslava no porto de Santos-SP, mas não tenho conseguido via arquivo do Estado de São Paulo, gostaria de saber se existe algum arquivo que possa ser acessado.

  45. João Makovnik says:

    Sou filho de Húngaros refugiados em 56, foram naturalizados brasileiros em 67,
    tenho direito a cidadania Hungara ?

  46. Thiago Charão says:

    Olá!

    Minha bisavó era húngara e meu bisavô Alemão, gostaria de saber se tenho como entrar com o processo de cidadania hungara?

    Thiago Charão

  47. natashia moraes barbosa says:

    Oi, busco um tradutor húngaro para o curso de ciência espiritual que oferecerá a escola de metafisica e ciências espirituais de Budapeste. O curso será realizado no espirito santo, uma vez por mês e terá duração de 3 anos. É preferível o trabalho voluntário por que o objetivo do curso não é lucrativo e para que seja acessível ao público geral, porém aceito propostas para estudar a viabilidade. Contatar [email protected]. Gratíssima

  48. leonardo blajanike says:

    Minha mãe é neta de hungaro,quero saber se tem algum problema para me nacionalizar,ou só ela pode?

  49. jonatas says:

    Gostaria de saber se quem pertencia ao império Astro Hungaro tem direito, pois a italia cassou esse direito em 2010.

    • admin says:

      Olá Jonatas,
      Sim, se o seu antepassado nasceu dentro das fronteiras do Reino da Hungria (que representava aproximadamente a metade do Império Austro-Húngaro) voce poderá requerer a cidadania húngara, contanto que comprove a origem com documentos e que saiba se comunicar num húngaro básico. Poderemos ajudá-lo com as pesquisas, se assim desejar.

  50. Pedro Jr says:

    Ola. Existe alguma indicação de uma pessoa que faça todo o tramite ( tradução de documentos, etc, dar entrada, tudo mais ) para obter a cidadania ??

  51. Henrique Pereira Balog says:

    Olá bom dia sou brasileiro e tenho bisavo Húngaro e tenho os documentos originais em Húngaro, porém não tenho conhecimento na língua, posso ter cidadania ?
    Obrigado.

    Atenciosamente.

  52. Hevelim Lebeda says:

    Olá, sou neta de Hungaro, e gostaria de obter a cidadania Hungara. Meu avô nasceu em Bezdam- Iugoslavia em 1907, No Passaporte o nome consta como Georgy Lebeda e outros que não entendo, tenho também a certidão de casamento. É necessário aprender Hungaro para conseguir a cidadania, se for onde consigo professor em SP.

    Atenciosamente

  53. Michelle Kőhalmi says:

    Sziasztok !
    Meu nome é Michelle moro na Hungria ha mais de 6 anos sou casada com um Hungaro nao sou hungara e tenho duas filhas . Já conhecia a história Hungara e agora estou indo fundo pois pretendo tirar a cidadania Hungara sei que nao é fácil é uma história muito interesante e triste com suas inumeras guerras mas enfim gostaria de perguntar se alguém já consegui a cidadania Hungara sem ter tido parentes ou famíliares e como se procede essa prova estou nervosa e anciosa tenho que escolher um dia que tem a prova no mes e paga uma taxa levar documentos ,mas como se procede nao tenho a menor idéia se alguém puder me ajudar com essa pergunta fica já meu agradecimento
    Michelle

  54. mariana kocsis aun says:

    Ola, sou decendente hungara e gostaria de saber se posso encontrar em Budapeste os registros da minha bisavo, e se a partir dai posso tentar tirar a minha cidadania por la mesmo, ou teria que vir ao Brasil… Estou morando na Irlanda e gostaria de receber maiores detalhes… obrigada.

  55. Adriano J. Watzko says:

    Gostaria de saber se a embaixada possui informação a respeito dos navios que chegaram no Brasil com imigrantes hungaros. Nome do navio e porto de desembarque.

  56. Wilson Roberto de Araujo Junior says:

    Olá! Primeiramente gostaria de parabenizar o feito do site, que vem a nos auxiliar com dúvidas e outras situações, com as quais nos dificulta com os procedimentos. Minha pergunta é, me casei com uma Hungara no Reino Unido, não consegui tirar a minha residência em UK pois a mesma foi negada, estou aqui no Brasil, teria a possibilidade de eu requerer a cidadânia pelo Brasil sem falar o idioma, pois não iremos morar na Hungria, se não, existe por ventura o visto de conjuge, solicitado pela minha esposa para que eu fique sobre tutoria dela??

    Grato
    Wilson Junior

  57. Juliana Forrai says:

    Ola,
    Estou tirando a cidadania húngara, e preciso de auxílio para preencher os formulários em húngaro. Me indicaram a Sra. Edith Kiss, mas não estou conseguindo localiza-la.
    Por favor, gostaria de alguma indicação de tradutor em São Paulo para preenchimento destes formulários.
    Obrigada!

  58. Roberto Godeny says:

    Sou filho de húngaro nato. Meu pai veio de “HAJDUBAGUS” na hungria em 1923, e desde então nunca mais voltou, nem mesmo para confirmação da nacionalidade. Como minha mãe era brasileira, não aprendi nada do idioma húngaro, portanto não entendo nada em húngaro.
    Não tendo conhecimento do idioma, é possível adquirir a cidadania húngara?

  59. Gustavo Nunes says:

    Boa tarde,

    Minha namorada é Hungara e vem ao Brasil para casar comigo e vamos morar em Salvador – Ba. Vocês sabem se existem tradutores juramentados em Salvador?
    Obrigado!

  60. Fabiana says:

    Minha avó era hungara, mas seu sobrenome está escrito errado.Nos documentos do meu pai constam BUCCI, BUSSI e até BUCSI. Gostaria de uma ajuda para descobrir seu sobrenome correto para conseguir dupla cidadania…

  61. Alejandro Santos says:

    Ola, meu nome eh Alejandro Santos e me desculpem pela falta de acento, pois estou morando nos estados unidos e aqui os computadores nao tem acentos.
    Tenho 19 anos e minha familia mora no Brasil, e agora estamos no processo para aplicar para cidadania Hungara e sou bisneto de Hungaro.
    Todos de minha familia vao aplicar em Sao Paulo, mais eu moro em Miami, Florida, e aqui tem um consulado Hungaro. Posso aplicar por aqui? Os documentos necessarios para provar serao entregues no consulado de Sao Paulo pela minha mae.
    Como vai funcionar isso?

    Muito Obrigado, Alejandro.

  62. Marcela Matusz says:

    Estou somente precisando de um curso ou um porfessor que ensine húngaro, mas estou com uma dificuldade extrema de achar aqui no Rio de Janeiro. Vocês possuem algum contato? Qual o nível de conhecimento do idioma é necessário para solicitar a cidadania?

    Beijos e obrigada

    • admin says:

      Marcela, temos uma seção específica no site para aprender húngaro.Basta clicar lá e terá todas opções, inclusive professores aí no Rio.

    • Robson says:

      Olá Marcela,
      se ainda estiver interessada em aprender húngaro no Rio de Janeiro, pode falar comigo. Entre em contato no 021 8856-9895. Utilizo diversos métodos e material próprio.
      Um abraço,
      Robson

  63. Francisco Erschinger says:

    Ola amigos, tenho descendencia hungara, e estou interressado em aprender esta lingua, e aprender mais sobre esta cultura que facina cada vez mais!
    Danço no grupo de danças hungaras dunántúl de jaraguá do sul SC.
    forte abraço.

    • admin says:

      Olá Francisco! Se vc aprender húngaro, poderá requisitar a cidadania. Qualquer dúvida adicional, consulte a Embaixada em Brasília.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *